fbpx

Para começar, preciso dizer que não são apenas alguns fatores que fazem a sua empresa ganhar relevância no Google, a verdade é que são dezenas de fatores, porém, vou citar apenas os mais importantes.
Fatores que muitas vezes as pessoas erram ao fazê-los.

Então, se acomoda na cadeira ou no sofá e vem comigo curtir esse artigo!

Se você entrou nesse artigo é porque provavelmente já tem o conhecimento do que é essa relevância, mas para você que simplesmente caiu de paraquedas aqui fica tranquilo, vou te explicar como funciona 😉

# O que é o “Rankeamento”?

O “rankeamento” ou relevância é a posição na qual seu site ou empresa aparecem na rede de pesquisa do Google, como mostrado na imagem abaixo:

O fator decisivo entre o sucesso e o fracasso é se você aparece ou não na primeira página!

Você deve estar se perguntando: “Mas por quê? ” 

Me responda você, analise a situação, você é novo em uma cidade e está procurando uma barbearia.

Você pesquisa no Google “Barbearias” e o nome da cidade. Por acaso você iria até a última página do Google procurando uma Barbearia? Eu garanto que nem até o fim da página você desce!

Se nem você passa para a próxima página do Google, quem dirá seus clientes!

# Como “ranquear” sua empresa?

Agora que você já sabe o que é “rankeamento”, vamos para o tópico do artigo!

Para que isso aconteça existem diversas formas de marketing digital.

Uma delas é investindo recursos financeiros em campanhas AdWords.

Que também é uma das ferramentas cuja qual a Página 1 Digital possuiu maior domínio, quer conhecer o nosso trabalho? Então clica neste link e tenha acesso à todo nosso trabalho e portfólio!

Outra, é adotando diversas práticas relacionadas ao conteúdo, utilizando técnicas de SEO para o Google, com o objetivo de atingir um quality score positivo e, assim, ser considerado relevante dentro do mar de opções disponíveis no site de busca.

Essa é a forma de como ranquear no Google nas primeiras posições. E são dicas como esta que você verá em detalhes, mais adiante.

O SEO trabalhará organicamente, sem investimentos financeiros, focando em palavras chave selecionadas no conteúdo do site, para buscar o melhor rankeamento nos resultados do Google.

#Como ranquear no Google com técnicas de SEO para sites

1- Pesquisa de otimização e palavra chave

Para conseguir um bom posicionamento no Google, você deve fazer uma pesquisa de relevância sobre palavras chave.

Trabalhar com palavras chave que tenham número elevado de buscas é a saída mais indicada. Para encontrar esses termos, você pode utilizar algumas ferramentas gratuitas que o próprio Google fornece.

Como o Google Trends ou o Google AdWords Planner. Os dois sites irão auxiliar a encontrar as melhores palavras a serem associadas ao seu texto.

Lembre-se: Não há como ranquear no Google sem uma boa escolha de palavra-chave, pois ela terá grande participação no texto, desde o título até o corpo do conteúdo, e é esta técnica de SEO para site que vamos detalhar nos próximos tópicos.

2- Otimizar título

A palavra chave escolhida deverá aparecer no título de seu conteúdo. Apenas uma vez é suficiente!

Lembrando que o título deve ter de 50 a 68 caracteres. Utilizar a tag title é essencial para o posicionamento de sua página. Isso porque o algoritmo do Google tem como objetivo mostrar aos usuários os resultados mais relevantes de suas buscas.

Se realizarmos uma busca e nenhum dos resultados estiver relacionado à palavra chave que pesquisamos, não tem como ranquear no Google, e nossa experiência com o site de buscas será extremamente negativa.

Por isso, o título deve nos ajudar a encontrar o que procuramos de maneira rápida e eficaz. Refletindo exatamente o que o conteúdo do texto nos traz.

Se você utiliza algum sistema que não seja o WordPress e precise programar manualmente o seu conteúdo, o título deve vir em formato de tag title.

Ele é exibido no código fonte da página, localizado entre as tags <head> e </head>, geralmente no início do código.

Ao redigirmos o <title> de uma página, devemos levar em consideração as técnicas de SEO para o Google e as pessoas que forem ler e buscar o título nos resultados.

Um título mal escrito, mesmo que bem posicionado, não receberá muitos cliques. Sempre, ao pensar na palavra chave e título, imagine como seu público buscaria pelo conteúdo.

3 – Otimizar meta description

A meta description é uma breve descrição sobre o conteúdo da página. Ela deve conter a palavra chave escolhida no texto e ter cerca de 153 caracteres.

Como ela não é fator de rankeamento no Google, ou seja, o que estiver escrito nela não influenciará seu posicionamento, o foco deve estar em descrever o conteúdo da página com precisão e servir de isca para atrair mais usuários através da busca orgânica.

Por isso, as boas técnicas de SEO para site recomendam que ela deve ser superatrativa.

4- Link building

Este é o trabalho de conseguir links para sua página ter mais relevância na Web e nos sites de busca.

Existem duas formas para sua realização: links internos e externos.

Links Internos:

Os links internos, superimportantes, direcionam a uma outra página dentro do mesmo domínio. Eles ajudam a melhorar a autoridade de um site, com a vantagem de ser uma tática que o controle está em suas mãos.

Ou seja, com a “linkagem” interna você aumenta a relevância da sua página e não deixa o internauta “escapar” do seu domínio para buscar outros sites.

Lembrando que o excesso de links em uma página pode ter o efeito reverso, dificultando a leitura, espantando o usuário. Use moderadamente e somente com páginas de extrema relevância para o conteúdo procurado.

Links Externos:

Os links externos dependem da relevância do seu conteúdo, somente desta forma seu site irá ganhar links externos, com outras marcas o referenciando (fazer link para ele).

Para isso, você pode, também, trocar informações com quem se interessa pelo seu conteúdo e criar alianças de link building externas, como uma tática da boa política de vizinhança.

5- Usabilidade e acessibidade

Um site com boa acessibilidade e usabilidade é encontrado nas buscas e possui todas as informações ‘prometidas’, superando as expectativas dos visitantes.

Para isso, é necessário que o desenvolvedor do site e o profissional de SEO trabalhem juntos.

Isto porque não adianta um site ter um bom ranking no Google e ser bem posicionado nas buscas, se os visitantes não ficarem satisfeitos com o seu conteúdo. Da mesma forma que um site com bom conteúdo sem ranking não é interessante.

Uma dica de como ranquear seu site no Google é não o deixar carregado de cliques para que o usuário chegue ao conteúdo ou página solicitada.

Isto desestimula a busca e, também, dificulta o rankeamento, que considera a indexação de páginas. O indicado é que o usuário dê, no máximo, 3 cliques para chegar em seu objetivo.

Para auxiliar neste momento, o sitemap é indicado para facilitar a contagem do número de cliques, além de indexar o conteúdo rapidamente e evitar a queda de rankeamento no Google.

E aí, gostou do artigo e das nossas dicas de como ranquear no Google?

Quer Realmente Impulsionar As Suas Vendas E Sair Do Sufoco? Acesse Este Link: https://pagina1digital.com.br/

Deixe sua opinião ou dúvidas nos comentários.

Teremos prazer em responder a todas as questões 🙂

Página 1, sua parceira digital!

Autor

Página 1 Digital

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.